• Pilates Ponto Norte

Importância do Pilates após a gravidez



Gravidez e Pilates - Blog - Pilates Ponto Norte

O método Pilates pode ajudá-la a voltar à forma após a gravidez. Esta matéria apresenta algumas orientações importantes sobre como iniciar ou voltar à atividade após o parto. As mães podem fazer Pilates até bem próximo ao dia do parto. No entanto, após dar à luz, é hora de descansar por várias semanas e desfrutar do novo bebê. Isso permitirá que o corpo se recupere. Recomenda-se aguardar pelo menos 6 semanas após o parto antes de iniciar os exercícios. Esse período de descanso permite que seu abdome se recupere do parto, além de dar tempo para que a mamãe se adapte à nova vida com um bebê. Depois de 6 semanas, você pode começar a fazer exercícios básicos e suaves desde que tenha sido um parto normal (vaginal). Caso tenha sido uma cesariana, é recomendável esperar de 5 a 6 meses antes de começar ou voltar a fazer exercícios, o que vale também para o Pilates. Retornando De volta ao estúdio de Pilates, as novas mamães vão iniciar em ritmo mais lento e se concentrar apenas em contrações do core (núcleo), com movimentos suaves, pois a volta à rotina com mais facilidade vai depender não só da prática de Pilates anterior ao parto como também da dedicação e empenho.


Gravidez e Pilates - Blog - Pilates Ponto Norte

Os mesmos exercícios de Pilates são benéficos tanto para a mulher que teve uma cesariana quanto para a mulher que teve parto normal. No entanto, o instrutor de Pilates experiente sabe que cada pessoa é única e possui níveis diferentes de recuperação, assim ele vai observar com cuidado e criar o programa de Pilates pós-natal específico para cada uma. Após o parto, alterações posturais causadas na gravidez podem se prolongar se exercícios não forem aplicados para corrigir desequilíbrios musculares, tais como aumento da lordose (região lombar), aumento da cifose (região torácica) e cabeça para a frente. É bem provável que as mulheres que deram à luz recentemente também tenham mais fraqueza e instabilidade no assoalho pélvico. No entanto, o método Pilates possui uma grande variedade de exercícios apropriados para corrigir esses desequilíbrios, sempre tendo como base a respiração, cujo resultado é sempre ganho de força e flexibilidade. Quer saber mais sobre Pilates e Gravidez? Entre em contato com o Pilates Ponto Norte e tire suas dúvidas. Próximo post: Pilates pré e pós-natal no Pilates Ponto Norte Post anterior: Incluindo o Pilates em sua rotina antes da gravidez

#benefícios #gravidez #pilates

2 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Nosso Blog

Neste espaço você vai ficar por dentro de novidades sobre o método Pilates, além de informações importantes e tirar dúvidas sobre
a prática de Pilates