Aulas para a mamãe e o bebê

De modo resumido, o Baby Pilates é um método novo que engloba os benefícios do Pilates para puérperas (como são chamadas as mulheres que acabam de dar à luz), que realizam as aulas junto com o seu bebê.

 

Na verdade, ainda é, sim, uma aula de Pilates, com todas as suas características, personalizada para você. O diferencial é que nessas aulas o seu bebê também é bem-vindo.

 

São muitos os benefícios, dentre os quais:

 

Para a mamãe

– Retorno gradativo à atividade física

– Prevenção de disfunções no pós-parto

– Promoção de saúde

 

Para o bebê

– Inserção do bebê na rotina materna

– Estímulo sensório-motor

– Estimulo ao desenvolvimento motor normal

 

Para ambos

Fortalecimento do vínculo mãe-bebê

Benefícios para a mamãe
Adaptações emocionais

 

As alterações sistêmicas, ou seja, aquelas que afetam o organismo inteiro, durante o puerpério são inúmeras, e muitas delas influenciam as adaptações emocionais, que podem afetar até 80% das puérperas de forma nada agradável.

 

Isso acontece em virtude de todas as alterações corporais e endócrinas, além das responsabilidades da maternidade, das necessidades do bebê, do processo de lactação, das mudanças de rotina, entre outras.

 

Tudo isso é levado em consideração pelo instrutor de Baby Pilates durante as aulas, pois ele está consciente desses processos e compreende as mudanças que ocorrem durante o puerpério.

 

Assoalho Pélvico

 

Durante a gestação, a prevalência de problemas como a incontinência urinária pode atingir até 64% das gestantes. Esse número pode ser explicado por diversas alterações genitais, tais como o relaxamento dos músculos do assoalho pélvico devido ao aumento da concentração do hormônio relaxina ou por questões biomecânicas como a pressão que o útero e a cabeça do feto exercem sobre a bexiga, e outros fatores.

 

Embora seja um número elevado, não se deve aceitar isso como “normal”. É importante saber que há programas de treinamento muscular do assoalho pélvico, o que, aliás, é trabalhado de forma indireta nas aulas de Baby Pilates.

 

Abdome e diástase abdominal

 

Durante a progressão da gravidez pode haver a chamada diástase dos músculos retos do abdome, que é o afastamento das faixas musculares devido a uma grande distensão. A diástase abdominal pode comprometer todo um grupo muscular abdominal, afetando a estabilidade do tronco.

 

As aulas de Baby Pilates priorizam a estabilização do tronco por meio de exercícios isométricos e de ginástica hipopressiva (ginástica que envolve exercícios respiratórios e posturais). Essa combinação ajuda a tonificar os músculos abdominais de quem ainda não pode fazer abdominais tradicionais, assim como a puérpera, além de melhorar a tensão dos músculos respiratórios e a postura.

Benefícios para o bebê
Desenvolvimento motor

 

Por muito tempo houve a crença de que o desenvolvimento das habilidades motoras era apenas reflexo do amadurecimento do Sistema Nervoso Central. No entanto, vários estudos comprovaram que o crescimento e o desenvolvimento não dependem apenas do sistema nervoso, pois são oriundos também da experiência da criança e das suas oportunidades de interação com o meio ambiente.

 

Isso significa que o ambiente no qual o bebê é inserido exerce uma influência muito forte e sistemática em seu desenvolvimento motor.

 

Do mesmo modo, os exercícios do Baby Pilates, pertinentes à faixa etária do bebê, auxiliam na estimulação de seu desenvolvimento em diversos aspectos: sensorial, psíquico, motor e emocional.

 

Exterogestação

 

Depois do parto, e enquanto se desenvolve, o bebê precisa de um período maior de maturação para se sentir seguro. É como se a gestação fosse prolongada, porém fora do útero.

 

Esse processo de amadurecimento fora do útero é chamado de exterogestação e, segundo o antropólogo inglês Ashley Montagu, dura em média 266 dias e meio. A exterogestação prolonga o vínculo com a mãe no pós-parto e possibilita o surgimento da afeição mútua.

 

Vínculo mãe-bebê

 

Muitos estudos já demonstraram que o apego, o vínculo e o afeto da mãe com o bebê se devem a fatores fundamentais relacionados às modificações adaptativas na reprodução humana.

É durante a exterogestação que surgem experiências corporais que fornecem a base para um estado psicológico de confiança ou de falta de confiança. O bebê aprende a confiar na mãe, em si mesmo e no ambiente por meio da atenção materna às suas necessidades e exigências.

 

O movimento é um relacionamento recíproco nessa fase. O ato de embalar, o banho e as brincadeiras fornecem um meio natural, através do movimento, que despertam no bebê um sentimento de confiança.

 

Nesse mesmo sentido seguem as aulas de Baby Pilates, que proporcionam um ambiente favorável à “prática” da exterogestação e fortalecem o vínculo do bebê com a mãe.

Quando iniciar as aulas de Baby Pilates

Sugere-se que as puérperas retornem ou iniciem as aulas de Baby Pilates a partir de 6 semanas após o parto.

 

Durante esse período puerperal, muitas alterações hormonais e adaptações anatômicas estão em processo de involução. Algumas delas são:

  • Involução uterina

  • Recuperação genital no canal de parto e períneo

  • Reequilíbrio dos sistemas endócrino, circulatório e musculoesquelético

  • Trato urinário e gastrointestinal

 

Por essa razão, é importante solicitar uma autorização médica e manter um acompanhamento profissional adequado.

 

No Pilates Ponto Norte trabalhamos com bebês até os 7 meses.

Você também poderá gostar de:
Faça uma visita ao nosso studio

Avenida Dom Helder Câmara 5.644 - Sl. 1017

Cachambi, Rio de Janeiro-RJ

contato@pilatespontonorte.com.br

Tel.: 21 3046-3025

Para que você conheça melhor o nosso trabalho, na aula experimental fazemos um programa específico para cada aluno, numa série introdutória com 40 minutos de duração.

@2017. Todos os direitos reservados.

+55 21 97378-6398

ALONGAMENTO - TRATAMENTO DE DORES CRÔNICAS - FORTALECIMENTO MUSCULAR - MELHORA DA POSTURA E DA OSTEOPOROSE COM AUMENTO DA DENSIDADE ÓSSEA